Forever in my mind

By Laura Ávila - outubro 08, 2017

Finalmente o tinha comigo, aquele por quem eu tinha esperado desde que vim para Aveiro, talvez até antes, não conseguem imaginar  as vezes que suspirei por ele, as borboletas que senti no estômago quando o vi pela primeira vez,  e a alegria que senti ao fim da nossa primeira grande aventura.

Hoje acabou tudo, infelizmente, e não sei como irei recuperar depois da perda dele.

Descansa em paz, meu carrinho de compras das velhinhas.
Ainda não acredito que ficaste sem uma roda a dois passos de casa, e sem a outra assim que chegámos a casa. 
Que o teu substituto tenha rodas mais fortes, um saco impermeável e que também tenha um bom bolsinho para a carteira, as chaves de casa e a lista das compras .

Com amor,
Laura

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários